20 setembro, 2015

Meadow Sweet Baby Dress





Foto:  blog da autora
Tradução: Miriam Fabiano

NIVEL: Intermediário

TAMANHO: 3 meses

MEDIDAS

Comprimento: 34 cm do ombro até a barra. Saia com 22 cm de altura


MATERIAL

Agulhas 4mm;  280 a 300 m de fio compatível com as agulhas; 2 botões pequenos

AMOSTRA: 22p = 10 cm em ponto de meia

ABREVIAÇÕES

mfc = trabalhar um ponto em meia e, sem deixá-lo cair da agulha, trabalhar a alça de trás desse mesmo ponto também em meia.

psf = deslizar um ponto sem fazer

2pjm = trabalhar 2 pontos juntos em meia

3pjt = trabalhar 3 pontos juntos em tricô


REALIZAÇÃO


Montar 68p.

Carr. 1: 1psf, 7m, 1mfc, 1m, 1mfc, 11m, 1mfc, 1m, 1mfc, 17m, 1mfc, 1m, 1mfc, 11m, 1mfc, 1m, 1mfc, 9m

Carr. 2, 4: 1psf, meia até o fim

Carr. 3: 1psf, laçada, 2pjm (casa de botão), 6m, 1mfc, 1m, 1mfc, 13m, 1mfc, 1m, 1mfc, 19m, 1mfc, 1m, 1mfc, 13m, 1mfc, 1m, 1mfc, 10m

Carr. 5: 1psf, 9m, 1mfc, 1m, 1mfc, 15m, 1mfc, 1m, 1mfc, 21m, 1mfc, 1m, 1mfc, 15m, 1mfc, 1m, 1mfc, 11m

Carr. 6, 8, 10, 12, 14, 16, 18, 20, 22, 24: 1psf, 2m, em tricô até os últimos 3p, 3m

Carr. 7: 1psf, 10m, 1mfc, 1m, 1mfc, 17m, 1mfc, 1m, 1mfc, 23m, 1mfc, 1m, 1mfc, 17m, 1mfc, 1m, 1mfc, 12m

Carr. 9: 1psf, 11m, 1mfc, 1m, 1mfc, 19m, 1mfc, 1m, 1mfc, 25m, 1mfc, 1m, 1mfc, 19m, 1mfc, 1m, 1mfc, 13m

Carr. 11: 1psf, 12m, 1mfc, 1m, 1mfc, 21m, 1mfc, 1m, 1mfc, 27m, 1mfc, 1m, 1mfc, 21m, 1mfc, 1m, 1mfc, 14m

Carr. 13: 1psf, 13m, 1mfc, 1m, 1mfc, 23m, 1mfc, 1m, 1mfc, 29m, 1mfc, 1m, 1mfc, 23m, 1mfc, 1m, 1mfc, 15m

Carr. 15: 1psf, 14m, 1mfc, 1m, 1mfc, 25m, 1mfc, 1m, 1mfc, 31m, 1mfc, 1m, 1mfc, 25m, 1mfc, 1m, 1mfc, 16m

Carr. 17: 1psf, laçada, 2pjm (casa de botão), 13m, 1mfc, 1m, 1mfc, 27m, 1mfc, 1m, 1mfc, 33m, 1mfc, 1m, 1mfc, 27m, 1mfc, 1m, 1mfc, 17m

Carr. 19: 1psf, 16m, 1mfc, 1m, 1mfc, 29m, 1mfc, 1m, 1mfc, 35m, 1mfc, 1m, 1mfc, 29m, 1mfc, 1m 1mfc, 18m

Carr. 21: 1psf, 17m, 1mfc, 1m, 1mfc, 31m, 1mfc, 1m, 1mfc, 37m, 1mfc, 1m, 1mfc, 31m, 1mfc, 1m, 1mfc, 19m

Carr. 23: 1psf, 18m, 1mfc, 1m, 1mfc, 33m, 1mfc, 1m, 1mfc, 39m, 1mfc, 1m, 1mfc, 33m, 1mfc, 1m, 1mfc, 20m

Carr. 25: 1psf, meia até o fim = 164p

Carr. 26: 1psf, 2m, 20t, 36m, 46t, 36m, 20t, 3m

Repetir as carr. 25 e 26 mais uma vez.


Carr. 29: 1psf, meia até o fim

Carr. 30: 1psf, 2m, 20t, rematar 36p em meia, 45t, rematar 36p em meia, 19t, 3m

Carr. 31: 1psf, meia até o fim ( 23p para as costas, 46p para a frente, 23p para costas = 92p)

Carr. 32: 3pjt, tricô até os últimos 3p, 3pjt = 88p

Carr. 33: 1psf, *1mfc, 1m* até o último ponto, 1mfc = 132p

Carr. 34: 1psf, tricô até o último ponto, 1m


Carr. 35: 1psf, meia até o fim

Carr. 36: 1psf, tricô até o último ponto, 1m

Carr. 37: *2pjm 2vezes, (laçada,1m) 3 vezes, laçada, 2pjm 2vezes* até o fim

Carr. 38: como a carr. 35

Estas 4 últimas carreiras formam o motivo rendado da saia.
Repetir até obter o tamanho desejado para a saia, ou até que o vestido meça 34 cm de altura total.
Lembrar de terminar depois da quarta carreira do motivo.

Trabalhar mais 3 carreiras em meia.
Rematar em meia, frouxamente. Se sentir dificuldade para fazer isso, use uma agulha de numeração maior para rematar.


FINALIZAÇÃO


Fazer a costura central das costas e esconder o restinho de fio entre os pontos pelo avesso.

Costurar os botões.

Se desejar, acrescentar uma florzinha em crochet como mostra a foto.



IMPORTANTE:


Esta é uma tradução do modelo oferecido gratuitamente por Marianna Mel no seu blog. Foi preparada com carinho para dar a uma pessoa que não fala inglês a possibilidade de copiar o modelo segundo suas instruções. Destina-se a uso pessoal e não deve ser vendida.


08 setembro, 2015

A Cardigan for Merry by Anny Purls


 Uma adaptação feita por Anny Purls to Jujube & Lolo
do casaco desenhado por Kate Gilbert, "A Cardigan for Arwen", 
originalmente publicado na revista Interweave Knits Winter 2006.


Foto e confecção: Anny Purls
Tradução adaptada: Miriam Fabiano


DESCRIÇÃO

O cardigã Arwen foi adaptado para o tamanho 12-18 meses, teve sua construção alterada para fazer mangas raglan e foram adicionados botões e alças para o fechamento.

MEDIDAS FINAIS (com ajuste moderado)

Circunferência do busto: 63,5 cm
Comprimento do corpo: 28 cm
Comprimento da manga: 20,5 cm

MATERIAL

- 350g de fio Andean Treasure Yarn (100% baby alpaca; 50g/101m);
- 1 par de agulhas retas 3mm 
- 1 jogo de agulhas de duas pontas (a menor numeração possível) para fazer os I-cord
- Acessórios: marcadores de pontos, agulha auxiliar para trançado, agulha de tapeçaria para as costuras, alfinete suporte de pontos ou pedaços de fio provisório
- Outros: 3 botões

AMOSTRA: 26p = 4 cm em ponto de meia usando agulha 3mm

DIMINUIÇÕES EMPARELHADAS 

Nas carreiras de direito: 3m, ssk, meia até os últimos 5p, 2pjm, 3m
Nas carreiras de avesso: 3t, 2pjt, tricô até os últimos 5p, 2pjt, 3t

NOTA:

Será mais fácil fazer a costura dos ombros, frente e costas, se você se lembrar de fazer as diminuições do raglan a 3p depois da borda, ao invés de logo no primeiro ponto.

REALIZAÇÃO

FRENTES

Começando pela frente direita, montar 33p nas agulhas 3mm.

Carr. 1 e 3: em tricô
Carr. 2, 4 e 5: em meia (marcar a carr. 5 para a dobra da barra)

Na próxima carreira, montar 24p e trabalhá-los em meia; colocar marcador; trabalhar os 33p restantes em meia.
Esses 33p vão continuar sendo trabalhados em ponto de meia, enquanto os 24p da borda devem ser trabalhados usando o motivo trançado Direito. Você pode substituir o trançado por qualquer outro de sua preferência desde que o motivo tenha 5 cm de largura.
Continuar trabalhando a borda trançada e os pontos restantes em ponto de meia até que a peça meça 20,5 cm a partir da carr. 5 (carreira de dobra).

Cava

Rematar 4p no início da próxima carreira de avesso. = 29p de meia + 24p do trançado

Raglan

Diminuir 1p do lado da cava a cada 3ª carreira (12 vezes). Restam 17p de meia + 24p do trançado. 
Diminuir 1p do lado da cava a cada 2ª carreira (3 vezes). Restam 14p de meia + 24p do trançado.
Colocar os pontos restantes à espera em um alfinete ou pedaço de fio provisório para serem trabalhados depois para formar o capuz.

Trabalhar a frente esquerda da mesma forma, usando o motivo trançado Esquerdo quando for trabalhar os 24p da borda e trabalhando os 33p restantes em ponto de meia; inverter as instruções para a fazer a cava e o raglan.

COSTAS

Montar 79p e trabalhar as 5 primeiras carreiras como na frente.
Continuar trabalhando em ponto de meia sobre todos os pontos até que a peça meça 20,5 cm a partir da carreira 5 (dobra da barra).

Cava

Rematar 4p no início das próximas 2 carreiras. Restam 71p

Raglan

Diminuir 1p no início e no final de cada 3ª carreira (12 vezes), e 1p no início e no final de cada 2ª carreira (3 vezes). Restam 41p.
Colocar os pontos restantes à espera em outro alfinete ou fio provisório.


MANGAS

Montar 45p e trabalhar as 5 primeiras carreiras da barra como nas frentes e costas. Continuar em ponto de meia aumentando 1p no início e no final de cada 5ª carreira (5 vezes). Total: 55p
Trabalhar em ponto de meia até que a peça meça 20,5 cm a partir da carreira de dobra.

Cava

Rematar 4p no início das próximas 2 carreiras. Restam 47p

Raglan

Diminuir 1p no início e no fim de cada 2ª carreira (20 vezes), e diminuir 1p em cada extremidade de cada carreira (2 vezes).
Rematar os pontos restantes.

Fazer a outra manga da mesma forma.

CAPUZ

Retomar os pontos deixados à espera na frente direita e trabalhar os 24p do trançado Direito + 14p em meia.
Levantar e trabalhar em meia no topo da manga direita quantos pontos você precisar para não deixar buracos (anote quantos pontos você adicionou, porque eles vão ser diminuídos nas próximas carreiras).
Retomar os pontos deixados à espera nas costas e trabalhá-los em meia.
Levantar e trabalhar em meia no topo da manga esquerda quantos pontos forem necessários para não deixar buracos.
Retomar os pontos deixados à espera na frente esquerda e trabalhar 14p em meia + 24p do trançado Esquerdo.
Trabalhar as próximas carreiras continuando o motivo trançado em cada borda e diminuindo pontos no topo das mangas trabalhando 2p juntos para cada ponto que você levantou na carreira anterior. Você vai obter 117p na agulha, incluindo os pontos do trançado.
Na próxima carreira, trabalhar juntos os 2p centrais e assim você vai ter um número par de pontos na agulha. Colocar um marcador entre os 2p centrais.
Aumentar 1p de cada lado do seu marcador central, a cada carreira de direito do trabalho (10 vezes). Obtém-se um total de 136p.
Continuar trabalhando as bordas em motivo trançado e os pontos centrais em ponto de meia até que o capuz meça 20 cm, terminando no marcador central.
Dobrar o capuz ao meio e costurar o topo usando um método de costura invisível (grafting). Atenção para a costura do motivo trançado, ela deve ficar invisível tanto no direito como no avesso.

FINALIZAÇÃO

Costurar as mangas na frente e nas costas.

Usando a menor numeração de agulhas de duas pontas que você possuir (no cardigã da foto foi usada agulha 2mm), montar 3p e trabalhar um I-cord por 26 carreiras. Rematar os pontos.

Fazer um I-cord para cada botão.

Dobrar cada I-cord ao meio e costurar no cardigã. Veja a foto para se orientar. Costure os botões no outro lado.



GRÁFICOS









IMPORTANTE:

Esta é uma tradução livre do modelo adaptado e oferecido gratuitamente por Anny Purls no seu blog. Foi preparada com carinho para dar a uma pessoa que não fala inglês a possibilidade de copiar o modelo segundo suas instruções. Destina-se a uso pessoal e não deve ser vendida.




19 fevereiro, 2015

Purse With Leaves, by Kristiina Temin



Tradução: Miriam Fabiano (http://penelopelabrune.blogspot.com/)


MATERIAL: 100-120 gr de fio Novitá Tennessee (100g/214m, 100% algodão), um conjunto de agulhas de duas pontas 3mm, agulha circular 3mm, aparelho para fazer I-Cord ou muita paciência. 

AMOSTRA: 22p = 10cm

Em respeito ao desejo da Kristiina, a receita ficará disponível para download gratuito apenas no Ravelry. Pegue sua receita aqui, é só escolher o download com a bandeirinha portuguesa.

Se tiver dúvidas, pode entrar em contato comigo pelo Facebook (https://www.facebook.com/miriam.gningue) ou e-mail, ficarei contente em ajudar.


Rose Garden Shawl, by Vera Sanon


Receita oferecida gratuitamente por Cascade Yarns

Tradução: Miriam Fabiano

MATERIAL
2 novelos de Cascade Ultra Pima (100% algodão) ou aproximadamente 400m de fio similar
Agulha circular 4,5mm de 80cm ou 100cm
21 marcadores de ponto

AMOSTRA: aproximadamente 16p = 10cm (não é imprescindível que seja exato)

NOTAS
O xale tem 4p trabalhados em cordão de tricô em cada extremidade para uma borda bonita.
As 10 carr. do motivo rendado são trabalhadas 5 vezes e então termina-se o motivo com uma carreira de *2pjm/laçada*
O resto do xale é trabalhado com carreiras encurtadas em cordão de tricô, o que dá a ele uma modelagem levemente arredondada.
 * Instruções para uma carreira encurtada perfeita e sem orifícios aqui: enlaçar e voltar e  levantando os pontos enlaçados

ABREVIAÇÕES
m =  meia
t = tricô
2pjm = tricotar 2 pontos juntos em meia
ms = mate simples = tirar um  ponto sem fazer, tricotar 1m e então passar o ponto sem fazer sobre o ponto tricotado
md =  mate duplo = tirar um ponto sem fazer, tricotar 2pjm e então passar o ponto sem fazer sobre o ponto tricotado.

MOTIVO RENDADO (sobre16p)
Carr. 1: 1m, laçada, 1m, ms, 1t, 2pjm, 1m, laçada, 1t, ms, 1t, 2pjm, laçada, 1m, laçada, 1m
Carr. 2 (trabalhar os p como eles aparecem): 5t, 1m, 1t, 1m, 3t, 1m, 4t
Carr. 3: 1m, laçada, 1m, ms, 1t, 2pjm, 1m, 1t, md, laçada, 3m, laçada, 1m
Carr. 4 (trabalhar os p. como eles aparecem): 7t, 1m, 2t, 1m, 4t (um ponto a menos nessa repetição)
Carr. 5: 1m, laçada, 1m, laçada, ms, 1t, 2pjm, 2pjm, laçada, 5m, laçada, 1m
Carr. 6 (trabalhar os p. como eles aparecem): 10t, 1m, 5t
Carr. 7: 1m, laçada, 3m, laçada, md, 1m, laçada, 1m, ms, 1t, 2pjm, 1m, laçada, 1m
Carr. 8 (trabalhar os p. como eles aparecem): 4t, 1m, 11t
Carr. 9: 1m, laçada, 5m, laçada, ms, 1m, ms, 1t, 2pjm, 1m, laçada, 1m
Carr. 10 (trabalhar os p. como eles aparecem): 4t, 1m, 11t

REALIZAÇÃO

Usando um método de montagem de pontos flexível (por exemplo: Long-Tail Cast On), monte 248p da seguinte forma: 
Montar 4p, colocar marcador, *montar 16p, colocar marcador* (15x), montar 4p 
Na carreira seguinte: 4m, deslizar o marcador, trabalhar os outros pontos em tricô, deslizando os marcadores, até os últimos 4p; deslizar marcador, 4m
Carr. 1-50: Trabalhar as 10 carr. do motivo rendado 5 vezes. Remover todos os marcadores, com exceção do primeiro e do último.
Carr. 51: 4m, deslizar marcador, *2pjm, laçada* até os últimos 6p; 2pjm, deslizar marcador, 4m
Carr. 52: 4m, deslizar marcador, trabalhar todos os p em tricô até os últimos 4p; deslizar marcador, 4m. 
Remover os marcadores.
Começar a trabalhar as carreiras encurtadas em cordões de tricô da seguinte forma:
Carr. 53: 128m, voltar 
Carr. 54: 8m, 2pjm, 4m, voltar 
Carr. 55: 12m, 2pjm, 4m, voltar 
Carr. 56: trabalhar todos os pontos em meia até 1p antes do "fim" desta carr ( = o último ponto trabalhado na carreira anterior). Tricote o último ponto junto com o próximo ponto, 4m, voltar.

Repetir a carr. 56 até que você tenha trabalhado a carreira completa de pontos.
Trabalhar mais uma carreira em meia e rematar todos os pontos frouxamente. Use um método elástico, como o Jeny' Surprisingly Stretchy Bind Off (http://ysolda.com/blog/2014/2/27/technique-thursday-jenys-surprisingly-stretchy-bind-off


DIAGRAMA

Nota: a carreira 3 tem um ponto a menos; na carreira 4 haverá  uma laçada adicional que completará os 16p originais




IMPORTANTE: 
Esta é uma tradução livre do modelo criado por Vera Sanon e oferecido gratuitamente por Cascade Yarns no link acima mencionado. Foi preparada com carinho para dar a uma pessoa que não fala inglês a possibilidade de confeccionar o modelo conforme as instruções da autora. Destina-se a uso pessoal e não deve ser vendida.



27 janeiro, 2015

Picking up the wrapped stitches - levantando os pontos enlaçados


Você trabalhou todas suas carreiras encurtadas e no final delas, notou orifícios bem feios, não foi? Agora é hora de consertar isso. 
Vamos lá! :)


LEVANTANDO OS PONTOS ENLAÇADOS NA CARREIRA EM MEIA


Levante o fio de enlaçamento (aquele que ficou envolvendo o ponto, não o ponto em si) com a agulha direita, inserindo a agulha de frente para trás.


Agora insira a agulha direita no ponto que foi envolvido.


Trabalhe o fio de enlaçamento junto com o ponto enlaçado juntos em meia.


LEVANTANDO OS PONTOS ENLAÇADOS NA CARREIRA EM TRICÔ


Levante o fio de enlaçamento (aquele que envolveu o ponto) com a agulha direita, inserindo a ponta da agulha de trás pra frente.


Coloque o fio de enlaçamento na agulha esquerda.


Trabalhe o fio de enlaçamento junto com o ponto enlaçado juntos em tricô.

Prontinho! Sem mistério, super fácil!


Traduzido do blog The Purl Bee




Wrap & turn = enlaçar o ponto e voltar


Você começou um novo trabalho com carreiras encurtadas, e na receita te diz pra enlaçar e voltar. E agora? Não sabe fazer isso? Pois agora você vai aprender. 

ENLAÇAR E VOLTAR NA CARREIRA EM MEIA



Com o fio atrás do trabalho, deslizar o próximo ponto como se fosse em tricô, da agulha esquerda para a agulha direita.


Trazer o fio para a frente do trabalho.


Deslizar o ponto de volta, tirando da agulha direita e levando para a agulha esquerda.


Levar o fio de volta para trás do trabalho, como se fosse trabalhar em meia.


Virar o trabalho, então o lado em trico vai estar voltado para você, pronto para ser trabalhado.


ENLAÇAR E VOLTAR NA CARREIRA EM TRICÔ


Deixando o fio na frente do trabalho, deslizar o próximo ponto como se fosse em tricô, da agulha esquerda para a agulha direita.


Levar o fio para trás como se fosse trabalhar em meia.


Deslizar o ponto da agulha direita de volta para a agulha esquerda.


Levar o fio para a frente do trabalho como se fosse trabalhar em tricô.


Virar o trabalho, então o lado em meia vai estar voltado para você, pronto para ser trabalhado.

* Depois que você terminar de trabalhar suas carreiras encurtadas usando a técnica de enlaçar e voltar, você vai notar orifícios no lugar onde você fez o enlaçamento dos pontos. Para consertar isso, é preciso trabalhar a carreira inteira fechando os orifícios, LEVANTANDO E TRABALHANDO OS PONTOS ENLAÇADOS. Mas isso é matéria para outra postagem


Traduzido do blog  The Purl Bee











20 dezembro, 2014

Corine Cardigan, by Crystal Erb Junkins


Modelo publicado em Knitty.com
(http://www.knitty.com/ISSUEss11/PATTcorinne.php)
Modelo: Corinne Erb  Fotos: Matt Hales e Diane Bounds


Tradução: Miriam Fabiano


Eu me casei com meu marido Michael em 21 de março de 2003 - o primeiro dia da Primavera. Foi um dos melhores dias da minha vida, mas foi também um dia frio de Primavera. Um dia muito frio. Infelizmente meu vestido de noiva era sem mangas e eu amaldiçoei o fato de não ter preparado antes alguma coisa como um xale ou suéter para me manter aquecida após a cerimonia.
Minha irmã Corinne vai se casar em maio deste ano e eu queria dar a ela um presente artesanal que lhe fosse útil. Um cardigan leve em um lindo rosa pálido parece ser a solução perfeita! O cardigan é tricotado em uma única peça, do lado esquerdo para o direito, quase sem costuras (eu amo isso!). A pala e o corpo são modelados com carreiras encurtadas descomplicadas, e o ponto de cordões de trico deixa o design simples mas sofisticado. Perfeito para um dia de casamento, perfeito para qualquer dia de Primavera, perfeito para minha linda irmã! Viva o casal feliz!


TAMANHOS: PP (P/M/G/GG/XGG/XXGG) 

MEDIDAS FINAIS: 
Busto: 83,25 cm (91,5/99,75/110/123,75/132/142,25)
Comprimento: 45,75 cm (47/49/51/52,75/55,25/57,25)

MATERIAL: 5 novelos (5/6/6/7/7/8) de 100g de fio Madelinetosh Tosh DK cor Molly Ringwald (lã 100% merino, 206m por novelo); agulha circular 4mm com 1m de comprimento; marcadores de ponto; alfinete longo ou fio provisório ou agulha circular mais fina para apoio de pontos; agulha de tapeçaria; 8 botões de 2,22 cm de diametro
Nota: compre os botões antes de começar o suéter para ter certeza do tamanho das casas.

AMOSTRA: 20p x 40 carr = 10 cm em ponto de cordões de trico
Ponto Cordões de trico: todas as carreiras em meia (se preferir, faça todas as carreiras em trico)

NOTA:
Para alterar o comprimento do cardigan para maior ou menor, veja o esquema no fim da receita. Uma diferença de 5 pontos muda o comprimento em 2,54 cm. Adicione ou subtraia pontos ao total indicado na receita antes de colocar o primeiro marcador de pontos.
Para alterar o comprimento das mangas, siga o mesmo procedimento.

ABREVIAÇÃO

2pjm = 2 pontos juntos em meia


REALIZAÇÃO

Frente esquerda

Usando o método de montagem Long Tail (ilustrações aqui, segunda sequencia de fotos), montar 90p (92/96/100/104/109/113). Não juntar em círculo; a peça será trabalhada em carreiras de ida e volta.

Carreira de padronização do motivo (direito): 55m (56/59/62/65/69/73), colocar marcador, 17m (17/17/17/17/18/18), colocar marcador, 14m (15/16/17/18/18/18), colocar marcador, 4m.
Trabalhar 7 carreiras em meia, terminando com uma carreira de avesso.

Sequencia de carreiras encurtadas:
Carr. 1 (direito): trabalhar em meia até o primeiro marcador, voltar.
Carr. 2, 4 e 6 (avesso): em meia até o fim da carreira.
Carr. 3: trabalhar em meia até o segundo marcador, voltar.
Carr. 5: trabalhar em meia até o terceiro marcador, voltar.
Carr. 7-8: trabalhar todos os pontos em meia

Trabalhar as carreiras 1 a 8 da sequencia de carreiras encurtadas 9 vezes no total (10/11/12/14/15/16), então trabalhar as carreiras 1 a 7 mais uma vez, terminando com uma carreira de direito.

Manga esquerda

Na próxima carreira (avesso): 35m (36/39/42/45/49/53), colocar os últimos 55p (56/57/58/59/60/60) a espera no fio provisório, alfinetão ou agulha circular a parte. Voltar o trabalho.
Usando o método de montagem Cable Cast On (ilustrações aqui, primeira sequencia de fotos), montar 40p (43/43/45/45/48/48) no início da próxima carreira. Total=75p (79/82/87/90/97/101)
Trabalhar as carreiras 1 a 8 da sequencia de carreiras encurtadas 13 vezes no total (14/15/16/17/18/19), então  trabalhar as carreiras 1 a 7 mais uma vez, terminando com uma carreira de direito.

Costas

Na próxima carreira (avesso): 35m (36/39/42/45/49/53), colocar os últimos 40p (43/43/45/45/48/48) a espera, retomar os 55p (56/57/58/59/60/60) que estavam a espera anteriormente e trabalhar em meia para a parte inferior do corpo. Total = 90p (92/96/100/104/109/113)
Trabalhar as carreiras 1 a 8 da sequencia de carreiras encurtadas 19 vezes no total (21/23/26/29/31/34), então trabalhar as carreiras 1 a 7 mais uma vez.

Manga direita

Trabalhar da mesma forma que para a manga esquerda.

Frente direita

Na próxima carreira (avesso): 35m (36/39/42/45/49/53), colocar os últimos 40p (43/43/45/45/48/48) a espera, retomar os 55p (56/57/58/59/60/60) que estavam a espera anteriormente e trabalhar em meia para a parte inferior do corpo. Total= 90p (92/96/100/104/109/113)
Trabalhar as carreiras 1 a 8 da sequencia de carreiras encurtadas 10 vezes no total (11/12/13/15/16/17), então trabalhar mais 3 carreiras em meia.

Casas de botão

Na próxima carreira (avesso): 4m, laçada, 2pjm, *7m (7/8/8/9/9/9), laçada, 2pjm* 3x, meia até o fim.
Trabalhar mais 3 carreiras em meia e arrematar todos os pontos sem apertar.


FINALIZAÇÃO

Com o avesso do trabalho voltado para voce, levantar e tricotar 1p em cada ponto ao longo da borda de montagem de pontos de uma manga. Usando o método de costura Grafting (ilustração aqui), junte esses novos pontos aos pontos deixados a espera para fechar a manga.
Trabalhar a outra manga da mesma forma.

Alinhar as extremidades e blocar seguindo as medidas indicadas no esquema abaixo.

Costurar 4 botões na frente esquerda, fazendo coincidir bem com as casas de botão. Costurar 2 botões em cada manga como mostra na foto do modelo.



Sobre a autora:

Crystal se sente desconfortável quando não está tricotando, mas encontra prazer em outras atividades, como cozinhar comidas novas e come-las com seu marido, construir obras-primas no Lego com seus dois filhos e sonhar acordada com férias no Caribe, além de tocar piano. Voce pode encontrar mais coisas legais da Crystal e de sua irmã Corinne no  blog Green Mittens, vai lá!

IMPORTANTE
Esta é uma tradução do modelo desenhado por Crystal Erb Junkins e oferecido gratuitamente por Knitty.com no link acima mencionado. Foi preparada com carinho para dar a uma pessoa que não fala ingles a possibilidade de confeccionar o modelo conforme as instruções da autora. Destina-se a uso pessoal e não deve ser vendida. 



12 dezembro, 2014

Caline - casaquinho sem mangas + sapatinho


 NOTA: Por se tratar de uma receita extraída de páginas escaneadas postadas em avulso na internet, não consegui ainda descobrir qual a revista, o número da edição nem a numeração das páginas. Caso alguém se depare com a revista que publicou esse conjuntinho (uma revista francesa), por favor, me contacte para que eu possa colocar aqui os devidos créditos. Obrigada pela colaboração.




Tradução e adaptação: Miriam Fabiano
(http://penelopelabrune.blogspot.com/)


TAMANHO: 1 mês (3/6/12/24)

MATERIAL: 2 novelos  (3/3/3/4) de fio Caline, cor Gigoteuse, da Bergère de France (50g/180m); um par de agulhas retas n. 2,5; 4 botões nacarados

AMOSTRA: 27p x 54 carreiras = 10 cm em ponto Cordões de tricô 

Ponto cordões de tricô
Trabalhar todas as carreiras em meia. Ou, se preferir, trabalhar todas em tricô.

ABREVIAÇÕES
ms = mate simples = tirar um ponto sem fazer, trabalhar o próximo ponto em meia, depois passar o ponto sem fazer sobre o ponto tricotado
2pjm = trabalhar dois pontos juntos em meia


REALIZAÇÃO

Casaquinho - trabalhado em peça única, começando pela frente esquerda, depois manga esquerda, costas, manga direita e finalmente frente direita.

Frente esquerda
Montar 54p (60/68/76/86) e trabalhar em cordões de tricô. A 2,5 cm do início (14 carreiras). *trabalhar 27p (31/35/41/47), virar. Fazer uma laçada, deslizar o próximo ponto sem fazer como se fosse trabalhá-lo em tricô, trabalhar 26p (30/34/40/46), virar. Trabalhar 38p (43/49/56/64) tricotando a laçada junto com o ponto seguinte, virar. Fazer uma laçada, deslizar um ponto sem fazer como se fosse trabalhar em tricô, trabalhar 37p (42/48/55/63), virar. Trabalhar 49p (55/63/71/81) tricotando a laçada junto com o ponto seguinte, virar. Fazer uma laçada, deslizar um ponto sem fazer como se fosse trabalhar em tricô, trabalhar 48p (54/62/70/80), virar. Trabalhar 2 carreiras sobre todos os pontos da agulha, tricotando a laçada junto com o ponto seguinte* 8 vezes (9/9/10/11).
Obtém-se aproximadamente 14,5 cm (16/16/17,5/19) de comprimento na borda inferior da frente esquerda.

Manga esquerda
Trabalhar  27p (31/35/41/47) e deixá-los à espera, continuando sobre os 27p (29/33/35/39) da esquerda da seguinte forma: *trabalhar 11p (12/14/15/17), virar. Fazer uma laçada, deslizar um ponto como se fosse trabalhar um ponto em tricô, trabalhar 10p (11/13/14/16), virar. Trabalhar 22p (24/28/30/34) tricotando a laçada junto com o ponto seguinte, virar. Fazer uma laçada, deslizar um ponto como se fosse trabalhar um ponto em tricô, trabalhar 21p (23/27/29/33), virar. Trabalhar 2 carreiras sobre todos os pontos, tricotando a laçada junto com o ponto seguinte* 14 vezes (16/18/20/22).
Obtém-se aproximadamente 16 cm (18/20/22/24) de comprimento na borda inferior da manga.

Costas
Retomar os 27p(31/35/41/47) deixados à espera e colocá-los na agulha à direita da manga e trabalhar como para a frente esquerda, seguindo as explicações entre os asteriscos (*) 16 vezes (17/19/20/22) sobre todos os 54p (60/68/76/86).
Obtém-se aproximadamente 24 cm (26/28/30/33) de comprimento ao longo da borda inferior das costas.

Manga direita
Trabalhar 27p (31/35/41/47) e deixá-los à espera, continuando sobre os 27p (29/33/35/39) da esquerda, e trabalhar como para a manga esquerda, seguindo as explicações entre os asteriscos (*) 14 vezes (16/18/20/22).

Frente direita
Retomar  os 27p (31/35/41/47) deixados à espera, colocá-los na agulha à esquerda da manga e trabalhar como para a frente esquerda seguindo as explicações entre os asteriscos (*) 8 vezes (9/9/10/11) sobre todos os 54p (60/68/76/86). Trabalhar mais 12 carreiras sobre todos os pontos e rematar.

FINALIZAÇÃO

Formar 4 casas de botão na frente esquerda sem cortas os fios (ver foto do casaco) e costurar os botões.


Sapatinhos -  1 mês (3/6)
Montar 12p (12/14) e trabalhar em cordões de tricô para o solado. A 5,5 cm (6/6,5) de altura, deixar os pontos à espera. 

Lateral do pé
Montar 5p (5/6), levantar 14p (15/16) ao longo da borda direita do solado, retomar os 12p (12/14)  deixados à espera, levantar 14p (15/16) ao longo da borda esquerda do solado, montar 5p (5/6) e trabalhar 12 carreiras (14/16) sobre todos os pontos da agulha. = 50p (52/58)

Peito do pé
Trabalhar 29m (30/34), 1ms, voltar. 
Na carreira seguinte, trabalhar 9m (9/11), 2pjm, voltar.
Na carreira seguinte, trabalhar 9m (9/11), 1ms, voltar.
Repetir essas duas carreiras até restar apenas 14p (15/16) à espera de cada lado dos 10p (10/12) centrais. 
Depois da última diminuição, voltar o trabalho, trabalhar os 10p (10/12) do peito do pé e os 14p (15/16) da esquerda. Trabalhar uma carreira sobre os 38p (40/44).
Na carreira seguinte, rematar os pontos da seguinte forma: rem. 6m (7/5), 2pjm, 6m, 2pjm, 6m, 2pjm, terminando com 6m (7/5).
Fazer a costura do calcanhar, depois juntar o solado com os 5p (5/6) montados de cada lado da lateral do pé.

02 dezembro, 2014

Esponja em viés


Criação, realização e foto: Miriam Fabiano



MATERIAL
lã e agulha de sua preferência


ABREVIAÇÕES

2pjt = 2 pontos juntos em tricô
tfc = fazer um ponto em tricô e, sem deixar o ponto cair da agulha, passar o fio para trás e fazer um meia nesse mesmo ponto e só então deixar os dois pontos cair da agulha = 1 aumento

REALIZAÇÃO

Montar 18p
Carr. 1: tricô
Carr. 2: 1t, 2pjt, 13t, 1tfc, 1t
Repetir essas duas carreiras até obter aproximadamente 25/30 cm de comprimento, terminando com a carr. 1. Rematar e cortar o fio, deixando um pedaço razoável. Juntar e costurar as duas extremidades (borda de remate com borda de montagem dos pontos), formando um anel.

FINALIZAÇÃO

Alinhavar umas das bordas (de costura, a que geralmente chamamos de lateral da peça) e puxar o fio para fechar o círculo. Dar um nó apertado e esconder o restante do fio dentro do trabalho. Se desejar rechear e esponja, faça isso nessa etapa. 
Alinhavar a outra borda, puxar e dar nó. Está pronta a esponja!

SUGESTÕES

Se for usar como esponja de banho, faça uma alça de correntinha de crochê ou costure uma fita de cetim para poder pendurar. Rechear com esponja natural.
Se usar fio de algodão ou barbante, a esponja fica ótima pra esfoliar a pele. 
Para usar na cozinha, não recheie. Use fio acrílico macio; é ótimo para lavar vidro e porcelana porque não arranha.
Crie em várias cores e presenteie no Natal.






26 novembro, 2014

Round Dishcloth





Eu vi fotos de execução dessa toalhinha - ou pegador de panela, cada uma usa como quiser - no Facebook por sugestão da colega tricoteira Renata Lanças. A pessoa que postou não forneceu receita nem o livro, revista ou local de onde ela tirou a idéia, mas pesquisando por imagens, descobri que um esquema (tosco) foi postado no Clube Osinka (http://club.osinka.ru/topic-13734?&start=1680), aquele site russo onde amamos passar horas garimpando preciosidades. Como amigas tricoteiras se interessaram pelo trabalho, eu resolvi copiar a peça no olhômetro e desenvolver a receita pra todo mundo poder aproveitar a idéia. 
Que fique claro que eu não sou a autora da receita. Devo agradecer a Valentina (http://www.makvalen.ru/post177072157/),
que gentilmente postou as fotos da execução da peça e também a autora da idéia, que ainda não descobri quem é. Caso alguém reconheça aqui o seu trabalho, simplesmente entre em contato e eu ficarei feliz em dar os créditos a quem de fato os merece.

MATERIAL
Eu usei fio 100% acrílico Qualité Courtelle Orient, de Création Cheval Blanc e agulha reta 3,75mm; agulha de tapeçaria para finalização

TAMANHO
Aproximadamente 23 cm de diametro

AMOSTRA
15p = 7 cm em cordões de trico 

ABREVIAÇÕES
m = meia
t = trico
psf = tirar um ponto sem fazer, como se fosse trabalhá-lo em meia
2pjm = trabalhar 2 pontos juntos em meia
aum. = aumentar um ponto entre os pontos do trabalho de forma invisível. Veja exemplo aqui: https://www.youtube.com/watch?v=f7oABJLKZtw&hd=1 ou escolha um dos métodos ilustrados aqui:  aqui: http://blog.tincanknits.com/2013/10/03/m1/

NOTAS
Eu fiz minha toalhinha usando o fio que primeiro me caiu nas mãos e fiz pontos meio folgados. Não tenho a menor idéia do tamanho da peça original, mas caso voce queira uma peça maior, use fio grosso e agulhas de numeração condizente.
Aconselho a respeitar a indicação do psf em meia; ele dá graça e ajuda muito a deixar a borda plana.

REALIZAÇÃO

Montar 22p
1ª carr. (avesso): toda em t
2ª carr. (direito): 1psf, 1t, 5m, 1 aum, 13m, 2pjm
3ª, 5ª, 7ª, 9ª, 11ª e 13ª carr.: 15m, 7t
4ª, 6ª, 8ª, 10ª e 12ª carr.: repetir a 2ª carreira
14ª carr.: rem. 7p em t, 1t, 5m, 1 aum, 6m, 2pjm
15ª, 17ª, 19ª, 21ª, 23ª e 25ª carr.: 8m, 7t
16ª, 18ª, 20ª, 22ª e 24ª carr.: 1psf, 1t, 5m, 1 aum, 6m, 2pjm
26ª carr.: rem. 7p em t, 7m (não restam pontos na agulha esquerda). Sem virar o trabalho, levantar e trabalhar em m 14p na lateral do trabalho onde foram feitos os 2pjm, pegando a alça mais elevada do último ponto. = 22p na agulha
27ª carr.: 15m, 7t
Repetir a sequencia da 2ª a 27ª carr. mais 4 vezes. 
Para finalizar, repetir da 2ª a 25ª carr. Na 26ª carr. rem. todos os p.



FINALIZAÇÃO

Cortar o fio deixando um pedaço razoável. Usando a agulha de tapeçaria, juntar e costurar a borda de remate com a borda de montagem dos pontos, sem puxar demais o fio para não deformar a peça.



O meu ficou assim. Não parece, mas a cor é um verde musgo lindo, rs.
Desconsiderem as fotos horríveis. Como boa tricoteira, sou péssima fotógrafa. Também relevem as falhas de acentuação gráfica - meu teclado se recusa terminantemente a me obedecer, ele só acentua quando quer. :)